Empresas recebem ata registrada

TAICUPAM comunica que categoria manteve contribuição

 

O TAICUPAM registrou em cartório a ata da assembleia [fotos] de 17 de janeiro de 2018 que aprovou a cobrança de contribuição sindical, mantendo assim a situação anterior à nova legislação trabalhista, em vigência desde 11/11/2017.

O TAICUPAM agiu sob orientação jurídica, acatando o que determina o atual texto sobre relações trabalhistas, mesmo que ele esteja sob questionamento da Confederação Nacional dos Aquaviários (CONTTMAF) junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

A ata oficial da assembleia está registrada no 17º Ofício de Notas da Capital do Rio de Janeiro, à Rua do Carmo. Toda a documentação começou a ser enviada às empresas para que seja repassada ao TAICUPAM, a título de custear as atividades administrativas, a contribuição de um dia do ano de trabalho descontado.

– A assembleia considerou que é justo o trabalhador contribuir porque ele se beneficia dos resultados da luta do sindicato, como é o caso dos benefícios obtidos nos Acordos Coletivos de Trabalho – observa o presidente do TAICUPAM, Ossian Quadros.

Outra proposta aprovada na assembleia é a cobrança, para não sindicalizados, da taxa de homologação no valor R$ 150 do trabalhador não associado que optar por fazer o cálculo de verbas rescisórias com a supervisão do sindicato.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *